Quinta-feira, 08.03.12

1 ano

Ola a todos...

 

A vida dá muitas voltas...mas ensina-nos a superar todos os obstaculos.

 

Meu principe já fez um ano... o tempo voa.

 

Quem sabe um dia nao volto ...por agora minha prioridade é aproveitar a coisa mais bela do mundo. A maternidade.

 

Bjo enorme a todas as Mulheres, muito especial a todas as MAES.

publicado por duda às 22:05 link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 12.11.10

As mulheres de 30 (autor MARIO PRATA)


"As mulheres de 30


O que mais as espanta é que, de repente, elas percebem que já são balzaquianas. Mas poucas balzacas leram A Mulher de Trinta, de Honoré de Balzac, escrito há mais de 150 anos. Olhe o que ele diz:
‘Uma mulher de trinta anos tem atrativos irresistíveis. A mulher jovem tem muitas ilusões, muita inexperiência. Uma nos instrui, a outra quer tudo aprender e acredita ter dito tudo despindo o vestido. (…) Entre elas duas há a distância incomensurável que vai do previsto ao imprevisto, da força à fraqueza. A mulher de trinta anos satisfaz tudo, e a jovem, sob pena de não sê-lo, nada pode satisfazer’.

Madame Bovary, outra francesa trintona, era tão maravilhosa que seu criador chegou a dizer diante dos tribunais: ‘Madame Bovary c’est moi’. E a Marilyn Monroe, que fez tudo aquilo entre 30 e 40?

Mas voltemos a nossa mulher de 30, a brasileira-tropicana, aquela que podemos encontrar na frente das escolas pegando os filhos ou num balcão de bar bebendo um chope sozinha. Sim, a mulher de 30 bebe. A mulher de 30 é morena. Quando resolve fazer a besteira de tingir os cabelos de amarelo-hebe passa, automaticamente, a ter 40. E o que mais encanta nas de 30 é que parece que nunca vão perder aquele jeitinho que trouxeram dos 20. Mas, para isso, como elas se preocupam com a barriguinha!

A mulher de 30 está para se separar. Ou já se separou. São raras as mulheres que passam por esta faixa sem terminar um casamento. Em compensação, ainda antes dos 40 elas arrumam o segundo e definitivo.
A grande maioria tem dois filhos. Geralmente um casal. As que ainda não tiveram filhos se tornam um perigo, quando estão ali pelos 35. Periga pegarem o primeiro quarentão que encontrarem pela frente. Elas querem casar.

Elas talvez não saibam, mas são as mais bonitas das mulheres. Acho até que a idade mínima para concurso de miss deveria ser 30 anos. Desfilam como gazelas, embora eu nunca tenha visto uma (gazela). Sorriem e nos olham com uns olhos claros. Já notou que elas têm olhos claros? E as que usam uns cabelos longos e ondulados e ficam a todo momento jogando as melenas para trás? É de matar.

O problema com esta faixa de idade é achar uma que não esteja terminando alguma tese ou TCC. E eu pergunto: existe algo mais excitante do que uma médica de 32 anos, toda de branco, com o estetoscópio balançando no decote de seu jaleco diante daqueles hirtos seios? E mulher de 30 guiando jipe? Covardia.

A mulher de 30 ainda não fez plástica. Não precisa. Está com tudo em cima. Ela, ao contrário das de 20, nunca ficou. Quando resolve, vai pra valer. Faz sexo como se fosse a última vez. A mulher de 30 morde, grita, sua como ninguém. Não finge. Mata o homem, tenha ele 20 ou 50. E o hálito, então? É fresco. E os pelinhos nas costas, lá pra baixo, que mais parecem pele de pêssego, como diria o Machado se referindo a Helena, que, infelizmente, nunca chegou aos 30?

Mas o que mais me encanta nas mulheres de 30 é a independência. Moram sozinhas e suas casas têm ainda um frescor das de 20 e a maturidade das de 40. Adoram flores e um cachorrinho pequeno. Curtem janelas abertas. Elas sabem escolher um travesseiro. E amam quem querem, à hora que querem e onde querem. E o mais importante: do jeito que desejam.

São fortes as mulheres de 30. E não têm pressa pra nada. Sabem aonde vão chegar. E sempre chegam.

Chegam lá atrás, no Balzac: ‘A mulher de 30 anos satisfaz tudo’.

Ponto. Pra elas.”

publicado por duda às 19:08 link do post | comentar | favorito
Domingo, 31.10.10

Vou ser mamã...

Estou super feliz...

 

O nosso amor vai ficar registado para a eternidade....

 

Primeiro rebento vem a caminho...

 

 

Não podia deixar passar este momento tao importante sem partilhar com voces...

 

Aqui começou a nossa historia... estou a tentar relatar os momentos mais importantes vividos a dois... ou melhor a tres..lol

 

Beijos a todos..

Segunda-feira, 08.03.10

Dia 8 de Março - Dia Internacional da Mulher

Este texto foi criado por um amigo que me enviou por e-mail e que eu publiquei no blog para que todas as mulheres acreditem no princepe encantado.. Bjo a todas

 

"Bom dia,
Faz exactamente hoje 100 anos que foi instituído este dia, não para ser um dia de festa mas como um sinal de revolta, de indignação e de luta por direitos, igualdades e uma procura de um espaço importante na nossa sociedade.
Passados esses anos todos, nota-se e muito o “terreno” que vocês mulheres conquistaram. Profissões que eram vistas só para homens, hoje em dia as mulheres fazem-no com perfeição e empenho total. O mesmo acontece em outras áreas da sociedade como no desporto, música, artes como literatura e cinema. Aliás falando nesta última e correlacionando com os Óscares entregues ontem, foi “vencido” mais um “mito”, em que só homens ganhavam a categoria da Realização. Não é que não houvesse anteriormente mulheres capazes de vencer este prémio. O que não existia era apoio ou forte divulgação, ou “não ficava bem” nos hostes dos premiados exigindo mais delas do que deles ou simplesmente coragem para escolher uma mulher… mas alguma vez teria que acontecer. E esse dia chegou ontem, com muito mérito da vencedora. Já agora vejam o seu filme (Estado de guerra) que passou nas salas de cinema (em Setembro do ano passado) muito discretamente (falta de divulgação pelos média) e que já está em DVD.
Em 2007, num texto que de muito agrado escrevi e que compartilhei com muitas de vocês, descrevi a minha visão sobre a Mulher e a minha sincera opinião. Para não me repetir porque ainda hoje mantenho tudo o que disse, deixo-vos a Transcrição desse meu texto para ser recordado ou ser lido por algumas de vocês pela primeira vez.
“ … Vocês são, sobretudo, o elo fundamental numa familia. A base onde tudo nasce. São lutadoras por natureza, contendo uma polivalência de funções/acções muito superiores ao homem.
Conseguem ser ao mesmo tempo mulher, esposa, mãe, trabalhadora e social sem perder nenhuma qualidade em qualquer destes "papéis". E bem dificil que deve ser conseguir e manter esta multiplicidade de "tarefas".
Por isto e muito mais coisas, nós devemos respeitar-vos cada vez mais, devemos ser o apoio que necessitam, devemos ser "verdadeiros" homens e cavalheiros perante vocês, devemos ser a outra parte que vos complementa...
Talvez utilizemos este dia para mostrar o lado negro do Homem perante as mulheres. Os atropelos que ainda existem (e estamos no sec. XXI) quanto aos direitos das mulheres. Em muitos paises ainda existe a "escravidão" pura e dura, a falta de liberdade para escolher o seu caminho, o direito ao voto e de expressão que ainda lhes é negado... E se vamos ver o nosso dia a dia (qualquer que seja a parte do mundo), as mulheres são por vezes descriminadas em detrimento do homem, por razões idelogicas, sociais, profissionais ou mesmo religiosas.
Se é verdade que têm havido esforço para melhorar estas situações, a sociedade terá que continuar a abrir mais caminhos e a dar mais igualdades as mulheres.
...Todos, sem excepção, precisamos de vocês para uma sociedade melhor e mais verdadeira...”
Despeço-me por agora desejando-vos um Feliz dia da Mulher e Continuem a ser o que são: “o maior Tesouro do mundo!”
PR"

publicado por duda às 11:19 link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 24.02.10

o amor é ....

O amor é como o IRS, está cheio de deduções e de abatimentos.
Mas quando chega o reembolso, sentimos que valeu a pena fazer os descontos, pagar os IVA's e fazer a retenção na fonte.
Quanto mais se investe, mais se recebe.
E depois de receber, voltamos a queixar-nos do quanto descontamos... e do trabalho que dá. Assim é o amor.
Não consta que desapareça.
Nem o amor, nem o IRS.
publicado por duda às 12:10 link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 22.02.10

POEMA DA FODA (desculpem lá mas...está mesmo GIRO........)

 

POEMA DA FODA

 

Neste Portugal imenso

Quando chega o verão,

Não há um ser humano

Que não fique com tesão.

É uma terra danada,

Um paraíso perdido.

Onde todo mundo fode,

Onde todo mundo é fodido.

Fodem moscas e mosquitos,

Fodem aranhas e escorpiões,

Fodem pulgas e carrapatos,

Fodem as empregadas com os patrões.

Os brancos fodem os negros

Com grande consentimento,

Certos 'amigos' fodem as noivas

Até quase à hora do  casamento.

General fode o Ministro,

Autarca a ordem de prisão.

E os gajos da Assembleia da República

Vivem fodendo a nação.

Os frades fodem as freiras,

O padre fode o sacristão,

Até na seita do crente

O pastor fode o irmão.

Todos fodem neste mundo

Num capricho que alivia.

E os danados dos VIP'S

Fodem os putos da Casa Pia.

Parece que a natureza

Vem-nos a todos dizer,

Que vivemos neste mundo

Somente para foder.

E você, meu nobre amigo

Que agora se está a entreter,

Se não gostou da poesia
Levante-se e vá-se foder!!!
 

 


Autor Desconhecido
Também pudera, se fosse conhecido, estava fodido  JJ

publicado por duda às 15:40 link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 12.02.10

(Fernando Pessoa)

vamos minha gente meus amigos, imprimir este documento e colar no espelho
 ,,,ler sempre que o astral baixar,,,
beijinhos e vamos começarlegaleste ano que ja começa voando
 
 
 Poeta é poeta o resto é resto
 
Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,
mas não esqueço de que a minha vida é a maior empresa do mundo.
E que posso evitar que ela vá a falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios,
incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e
se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar
um oásis no recôndito da sua alma .
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um 'não'.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo...


(Fernando Pessoa)
publicado por duda às 20:54 link do post | comentar | favorito
Domingo, 07.02.10

EDUARDO PRADO COELHO

 

 Eduardo Prado Coelho, antes de falecer (25/08/2007),
teve a lucidez de nos deixar esta reflexão, sobre nós todos . 
 Façam uma leitura atenta.


Precisa-se de matéria prima para construir um País
Eduardo Prado Coelho - in Público



A crença geral anterior era de que Santana Lopes não servia,

bem como Cavaco, Durão e Guterres.

Agora dizemos que Sócrates não serve.

E o que vier depois de Sócrates também não servirá para nada.

Por isso começo a suspeitar que o problema não está no trapalhão

que foi Santana Lopes ou na farsa que é o Sócrates.

O problema está em nós. Nós como povo.

Nós como matéria prima de um país.

Porque pertenço a um país onde a ESPERTEZA é a moeda

sempre valorizada, tanto ou mais do que o euro.

Um país onde ficar rico da noite para o dia é uma virtude

mais apreciada do que formar uma família
baseada em valores e respeito aos demais.

Pertenço a um país onde, lamentavelmente, os jornais jamais

poderão ser vendidos como em outros países, isto é,
pondo umas caixas nos passeios onde se paga por um só jornal
E SE TIRA UM SÓ JORNAL,
DEIXANDO-SE OS DEMAIS ONDE ESTÃO.


Pertenço ao país onde as EMPRESAS PRIVADAS são fornecedoras particulares

dos seus empregados pouco honestos, que levam para casa,
como se fosse correcto, folhas de papel, lápis, canetas, clips e tudo o que possa ser útil

para os trabalhos de escola dos filhos... e para eles mesmos.

Pertenço a um país onde as pessoas se sentem espertas porque
conseguiram comprar um descodificador falso da TV Cabo,

onde se frauda a declaração de IRS para não pagar ou pagar menos impostos.

Pertenço a um país:


-Onde a falta de pontualidade é um hábito;

-Onde os directores das empresas não valorizam o capital humano.

-Onde há pouco interesse pela ecologia, onde as pessoas atiram lixo nas ruas e, depois,

reclamam do governo por não limpar os esgotos.

-Onde pessoas se queixam que a luz e a água são serviços caros.

-Onde não existe a cultura pela leitura (onde os nossos jovens dizem que

é 'muito chato ter que ler') e não há consciência nem memória
política, histórica nem económica.

-Onde os nossos políticos trabalham dois dias por semana para aprovar projectos e leis

que só servem para caçar os pobres, arreliar a classe média
e beneficiar alguns.

Pertenço a um país onde as cartas de condução e as declarações médicas
podem ser 'compradas', sem se fazer qualquer exame.

-Um país onde uma pessoa de idade avançada, ou uma mulher com uma criança nos braços,

ou um inválido, fica em pé no autocarro, enquanto a pessoa que está sentada
finge que dorme para não lhe dar o lugar.

-Um país no qual a prioridade de passagem é para o carro

e não para o peão.

-Um país onde fazemos muitas coisas erradas,

mas estamos sempre a criticar os nossos governantes.

Quanto mais analiso os defeitos de Santana Lopes e de Sócrates,

melhor me sinto como pessoa, apesar de que ainda ontem
corrompi um guarda de trânsito para não ser multado.

Quanto mais digo o quanto o Cavaco é culpado, melhor sou eu como português,

apesar de que ainda hoje pela manhã explorei um cliente que confiava em mim,
o que me ajudou a pagar algumas dívidas.

Não. Não. Não. Já basta.

Como 'matéria prima' de um país, temos muitas coisas boas,

mas falta muito para sermos os homens e as mulheres que o nosso país precisa.

Esses defeitos, essa 'CHICO-ESPERTERTICE PORTUGUESA' congénita,

essa desonestidade em pequena escala, que depois cresce e evolui
até se converter em casos escandalosos na política, essa falta de qualidade humana,
mais do que Santana, Guterres, Cavaco ou Sócrates,
é que é real e honestamente má, porque todos eles são portugueses como nós,
 ELEITOS POR NÓS. Nascidos aqui, não noutra parte...

Fico triste.

Porque, ainda que Sócrates se fosse embora hoje,

o próximo que o suceder terá que continuar a trabalhar com a mesma matéria prima
 defeituosa que, como povo, somos nós mesmos.

E não poderá fazer nada...

Não tenho nenhuma garantia de que alguém possa fazer melhor,

mas enquanto alguém não sinalizar um caminho destinado a
erradicar primeiro os vícios que temos como povo, ninguém servirá.

Nem serviu Santana, nem serviu Guterres, não serviu Cavaco,

nem serve Sócrates e nem servirá o que vier.

Qual é a alternativa ?


Precisamos de mais um ditador, para que nos faça cumprir a lei

com a força e por meio do terror ?

Aqui faz falta outra coisa. E enquanto essa 'outra coisa' não comece

a surgir de baixo para cima, ou de cima para baixo, ou do centro para os lados,
ou como queiram, seguiremos igualmente condenados,
igualmente estancados... igualmente abusados !

É muito bom ser português. Mas quando essa portugalidade autóctone começa

a ser um empecilho às nossas possibilidades de desenvolvimento
como Nação, então tudo muda...

Não esperemos acender uma vela a todos os santos,

a ver se nos mandam um messias.

Nós temos que mudar. Um novo governante com os mesmos portugueses

nada poderá fazer.

Está muito claro... Somos nós que temos que mudar.

Sim, creio que isto encaixa muito bem em tudo o que anda a acontecer-nos:

Desculpamos a mediocridade de programas de televisão nefastos e,
francamente, somos tolerantes com o fracasso.

É a indústria da desculpa e da estupidez.

Agora, depois desta mensagem, francamente, decidi procurar o responsável,

não para o castigar, mas para lhe exigir (sim, exigir)
que melhore o seu comportamento e que não se faça de mouco,

de desentendido.

Sim, decidi procurar o responsável e ESTOU SEGURO DE QUE O ENCONTRAREI
 QUANDO ME OLHAR NO ESPELHO.

AÍ ESTÁ. NÃO PRECISO PROCURÁ-LO NOUTRO LADO.


 E você, o que pensa ?... MEDITE !

publicado por duda às 18:27 link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 05.02.10

UMA HISTÓRIA...UMA LIÇÃO DE VIDA!

Um grupo de jovens licenciados, todos bem sucedidos nas carreiras,
decidiram fazer uma visita a um velho professor da faculdade,
agora reformado.
 
Durante a visita, a conversa dos jovens alongou-se em lamentos sobre o
imenso stress que tinha tomado conta das suas vidas e do seu trabalho.
 
O professor não fez qualquer comentário sobre isso e perguntou se
gostariam de tomar uma chávena de chocolate quente.
 
Todos se mostraram interessados e o professor dirigiu-se à cozinha, de
onde regressou vários minutos depois com uma grande chaleira e uma
grande quantidade de chávenas, todas diferentes - de fina porcelana e
de rústico barro, de simples vidro e de cristal, umas com aspecto
vulgar e outras caríssimas.
 
Apenas disse aos jovens para se servirem à vontade.Quando já todos
tinham uma chávena de chocolate quente na mão, disse-lhes :
 
Reparem como todos escolheram as chávenas mais bonitas e
dispendiosas,deixando ficar as mais vulgares e baratas... Embora seja
normal que cada um pretenda para si o melhor, é isso a origem dos
vossos problemas e stress.
 
A chávena por onde estais a beber não acrescenta nada à qualidade do
chocolate quente.
 
Na maioria dos casos é apenas uma chávena mais requintada e algumas
nem deixam ver o que estais a beber. O que vós realmente queríeis era
o chocolate quente, não a chávena; mas fostes conscientemente para as
chávenas melhores...Enquanto todos confirmavam, mais ou menos
embaraçados, a observação do professor, este continuou:
 
- Considerai agora o seguinte: a vida é o chocolate quente; o dinheiro
e a posição social são as chávenas.
 
Estas são apenas meios de conter e servir a vida.
 
A chávena que cada um possui não define nem altera a qualidade da vossa vida.
 
Por vezes, ao concentrarmo-nos apenas na chávena acabamos por nem
apreciar o chocolate quente que Deus nos ofereceu.
 
As pessoas mais felizes nem sempre têm o melhor de tudo, apenas sabem
aproveitar ao máximo tudo o que têm.
 
Vivei com simplicidade.
 
Amai generosamente.
Ajudai-vos uns aos outros com empenho.
 
Falai com gentileza.
 
E apreciai o vosso chocolate quente.
 
 
 

 Não sei quem é o autor. Recebi por e-mail e nao resisti em publicar.


publicado por duda às 21:09 link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 26.01.10

2010

Ola pessoal...

 

antes de mais desejo a todos um excelente 2010

 

Que o ano de 2010 seja tao bom como estes primeiros dias.

 

Finalmente vejo uma luz ao fundo do tunel...

 

uma mudança...

 

quem sabe... muita alegria...

 

Bjo para todos

publicado por duda às 10:34 link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

pesquisar

 

Março 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

últ. comentários

  • o tempo passa e tu continuas aqui...
  • Realmente muitos dar valor as aparencias e esquece...
  • Só queria deixar uma mensagem de muitas felicidade...
  • prefiro naum comentar
  • Parabéns!! Vá dando novidades!
  • Já era muito, mas muito orgulhosa em ser Nortenha,...
  • pessoal viva a mulher do norte...limiana de gema (...
  • Adoro o teu blog, ando sempre a ver as novidades, ...
  • Linda, se alguém te faz sentir assim não te merece...
  • poema para mãe:jardin florido ,comofloresta.não t...

mais comentados

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro