Ultima Lição

Há muitos anos atrás, quando eu trabalhava como voluntário num hospital, vim a conhecer uma pequenita chamada Liz que sofria de uma doença terrível e rara.

A única esperança de recuperação para ela parecia ser através de uma transfusão de sangue do irmão mais velho, de apenas 5 anos de idade que, miraculosamente, tinha sobrevivido à mesma doença e parecia ter, então, desenvolvido os anticorpos necessários para combatê-la.

O médico explicou toda a situação ao menino e perguntou, então, se ele aceitava doar o sangue dele para a irmã. Eu vi ele hesitar um pouco, mas depois de uma profunda respiração, ele disse:

- "Está certo, eu aceito já que é para a salvar...".

À medida que a transfusão foi progredindo, ele estava deitado na cama ao lado da cama da irmã e sorria, assim como nós também, ao ver as bochechas dela voltarem a ter cor. De repente, o sorriso dele desapareceu e ele empalideceu. Olhou então para o médico e perguntou com a voz trémula:

- "Eu vou começar a morrer logo, logo?"

Por ser tão pequeno e novo, o menino tinha interpretado mal as palavras do médico, pois ele pensou que teria que dar todo o seu sangue para salvar a irmã!

 

- “Pois é: compreensão e atitude são tudo.”

publicado por duda às 09:58 link do post | comentar | favorito